CLICK HERE FOR THOUSANDS OF FREE BLOGGER TEMPLATES »

quinta-feira, 19 de junho de 2008

Liberte-se do verde!

Não da samambaia de casa. Nem do edredon já esverdeado no cesto de lavar roupas. É aquele verde que logo abandona a carteira e demora a visitá-la novamente. O dinheiro, por si só, é um divertimento garantido para índole dos consumistas. É só observar: as vendas do setor varejista em abril aumentaram quase que 10% em relação ao ano passado, não só em volume mas também no aquecimento mercantil deste semestre e continuam em um crescimento anual, até gerando uma inflação refletida nas altas dos preços. O consumismo é um comportamento psicológico que os especialistas já desconfiavam de sua causa, mas agora comprovam. Segundo Montagne, do Baylor College of Medicine (EUA) a relação que estabelecemos com as propagandas e marcas, é inconsciente e irracional. Duas experiências foram feitas com dois refrigerantes conhecidos mundialmente, Coca Cola e Pepsi, e dois voluntários. Quando ambos estavam conscientes ao beber Coca Cola, as zonas de emoções e afeto eram ativadas em seu cérebro. Quando "cegos" as mesmas zonas não se manifestavam e não sabiam se estavam bebendo a sua marca preferida, ou a concorrente. Mais do que um vício, o prazer de consumir pode ser comparado ao de uma droga em alguns distúrbios compulsivos. É como um desejo logo atropelado por um impulso. O consumista compulsivo não olha preço, nem qualidade, nem marca; o seu dia só estará completo quando sair de uma loja com "malas cheias" e "bolsos vazios". Não seja escravo do verde, nem deixe que ele mande em seu bolso, afinal, consumir é bom mas com moderação. Como um vício qualquer.

Veja o teste e saiba se és um consumista ou outro provável distúrbio, um pão-duro: http://www.universia.com.br/html/materia/materia_jbic.html

2 gols:

disse...

Há!
Eu não sou consumista!
Estou no nível de pessoas controladas, que sabem quandpo estão gastando desnecessariamente ou não...
Adorei saber isso.
Beijo

Laís Mezzari disse...

Concordo com o que foi escrito...
Então pra te ajudar a não cair nessa de consumismo, me dê o seu dinheiro que tenho algumas comprinhas pra fazer... :P
Tô de volta!
Beijo